É do pai ou da mãe? O poder do argumento masculino

A cena passa-se num tribunal durante uma audiência para regulação do poder paternal.
A mãe, muito emocionada, tenta defender-se:
-Meritíssimo Juiz… Esta criança foi gerada dentro de mim. Ela saiu do meu ventre, portanto eu mereço ficar com ela!

O juiz passa a palavra para o marido, que resolve usar o seu lado lógico:
-Senhor Dr. Juiz, responda-me a uma e única pergunta: quando eu coloco uma moeda numa máquina de refrigerantes, a latinha que sai…é minha ou da máquina?

O.O

One thought on “É do pai ou da mãe? O poder do argumento masculino

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s